Mães são as mais sobrecarregadas no isolamento, diz estudo

O estresse é mais comum nas mulheres que têm crianças pequenas porque precisam flexibilizar seus horários para dar conta do home office e dos filhos

Um estudo, realizado por pesquisadoras do Departamento de Sociologia e Antropologia Social da Universidade Valência (Espanha), aponta que mães de crianças pequenas são as mais afetadas pelo estresse causado pelo isolamento do novo coronavírus. O resultado da pesquisa foi publicado na revista científica The Conversation.

O objetivo do estudo era analisar as dificuldades de mulheres que precisam conciliar o horário de trabalho, neste caso o home office, com os encargos familiares.

"Muitas trabalham enquanto cuidam das crianças, e algumas têm a sensação de trabalharem o dia todo. Muitas vezes, ter flexibilidade de horários exige uma demonstração contínua de produtividade e um exercício de responsabilidade junto aos superiores", afirma Empar Aguado Bloise, uma das autoras do estudo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

De acordo com o estudo feito em Valência, as tarefas acabam sobrecarregando mais as mulheres, pois além de trabalhar também cuidam das crianças. Às vezes, a mulher também facilita o home office do marido, principalmente quando não podem ser interrompidos.

No fim do dia, essa sobrecarga dá à mulher a sensação de ter trabalhado o dia inteiro, porque ela precisou flexibilizar seus horários. O estudo conclui também que o monitoramento escolar dos filhos, na maioria da vezes, é realizado pelas mães, causando maior ansiedade e estresse a elas.

A análise também notou que em alguns casais foi observado maior disposição da parte dos homens para realizar tarefas que não faziam antes, como ir às compras, colocar roupas na máquina, cozinhar, entre outras.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Com isso, algumas mães que participaram do estudo acharam como recurso trabalhar de madrugada, visto que é mais silencioso e ajuda na concentração, porque a família já está dormindo.

Saúde mental na quarentena

O isolamento social pode causar medo, estresse e ansiedade. Dessa forma, é necessário redobrar a atenção com a saúde da nossa mente. Os momentos de crise e estresse constante afetam o equilíbrio psíquico, podendo causar males além do estresse e ansiedade. Saiba por que e como manter sua saúde mental em dia na quarentena.

Veja mais:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)