Desmaio

Visão Geral

O que é Desmaio?

O desmaio é uma perda rápida da consciência em virtude da redução do volume de sangue para o cérebro. O episódio dura menos de alguns minutos e a recuperação é rápida e completa. Antes do desmaio, você pode ter uma sensação de desfalecimento ou de tontura.

Um quadro mais demorado e profundo de inconsciência é chamado frequentemente de coma.

Desmaio: saiba como prestar socorro a uma vítima

Causas

O desmaio poderá ocorrer durante:

  • Tosse intensa
  • Evacuação intestinal (especialmente se a pessoa estiver se esforçando)
  • Permanência em pé durante muito tempo
  • O ato de urinar

O desmaio também pode estar associado a:

  • Desgaste emocional
  • Medo
  • Dor intensa

Outras causas de desmaio:

  • Certos medicamentos, incluindo aqueles usados para tratar ansiedade, depressão, pressão arterial alta e alergias (essas drogas podem causar queda na pressão arterial)
  • Uso de drogas ou de álcool
  • Ventilação excessiva
  • Nível baixo de açúcar no sangue
  • Convulsões
  • Queda súbita da pressão arterial (como aquela causada por hemorragia ou desidratação intensa)
  • Levantar-se rapidamente de uma posição de repouso

As razões menos comuns, embora mais graves, para o desmaio incluem doença cardíaca (como ritmo cardíaco anormal ou ataque cardíaco) e derrame. Essas condições são mais prováveis em pessoas com mais de 65 anos e menos prováveis antes dos 40 anos.

Sinônimos

Desmaio; sensação de desfalecimento; Síncope; Episódio vasovagal

Considerações

Em um episódio de desmaio, a pessoa perde não só a consciência, mas também o tônus muscular e a coloração da face (palidez). A pessoa também pode se sentir nauseada logo antes do desmaio. Ela pode ter a sensação de ruídos enfraquecendo ao fundo.

Diagnóstico e Exames

Na consulta médica

Seu médico fará perguntas para determinar se foi apenas um desmaio, ou se aconteceu mais alguma coisa (como uma convulsão ou distúrbio no ritmo cardíaco) e para determinar a causa do episódio de desmaio. Se alguém testemunhou o episódio de desmaio, o depoimento sobre o evento pode ser muito útil.

As perguntas incluirão:

  • Esse foi seu primeiro desmaio?
  • Quando você desmaiou? O que você estava fazendo quando o desmaio ocorreu? Por exemplo: você estava indo ao banheiro, tossindo, ou estava em pé há muito tempo?
  • O desmaio ocorreu durante a prática de exercícios?
  • Como você descreveria a tontura que sentiu antes de desmaiar? Você se sentiu desfalecer, fora de equilíbrio ou como se a sala estivesse girando?
  • O desmaio ocorreu com convulsões (abalos musculares), lesão na língua ou perda de controle intestinal?
  • Quando você recobrou a consciência você estava ciente dos arredores ou confuso?
  • Você sentiu dor no tórax ou palpitações cardíacas antes de desmaiar?
  • Você desmaia quando muda de posição - por exemplo, passando da posição de repouso para a posição ereta?

O exame físico se concentrará no coração, pulmões e sistema nervoso. Sua pressão arterial pode ser medida em várias posições diferentes. Pessoas com suspeita de arritmia podem precisar de internação para verificação.

Os exames que podem ser realizados para desmaio incluem:

  • Exames de sangue paraanemia ou desequilíbrios da química do corpo
  • Monitoramento do ritmo cardíaco
  • Ecocardiograma
  • Eletrocardiograma (ECG)
  • Eletroencefalograma (EEG)
  • Monitor Holter
  • Radiografia do tórax

Buscando ajuda médica

Ligue para a emergência se a pessoa que desmaiou:

  • Caiu de um local alto, especialmente se apresentar lesão ou sangramento
  • Não voltar rapidamente ao estado de alerta (dentro de alguns minutos)
  • Estiver grávida
  • Tiver mais de 50 anos
  • Tiver diabetes (verificar pelos braceletes de identificação clínica)
  • Sentir dor, pressão ou desconforto no tórax
  • Apresentar batimentos cardíacos esmagadores ou irregulares
  • Apresentar falta da fala, problemas de visão ou for incapaz de movimentar um ou mais membros
  • Apresentar convulsões, lesão na língua ou perda do controle da bexiga ou do intestino

Mesmo que a situação não seja uma emergência, você deverá consultar seu médico se nunca desmaiou antes, se desmaia com frequência ou se apresentar novos sintomas com desmaio. Providencie uma consulta o mais rápido possível.

Tratamento e Cuidados

Cuidados

Se houver história de desmaio, siga as instruções do seu médico sobre como prevenir esses episódios. Por exemplo, se você conhecer as situações que o levam a desmaiar, evite ou mude essas situações.

Levante-se lentamente da posição deitada ou sentada. Se retirar sangue leva você ao desmaio, informe o fato ao profissional de cuidados de saúde antes de se submeter ao exame de sangue e certifique-se de estar deitado para fazer o teste.

Você pode tomar medidas imediatas de tratamento em caso de desmaio de alguém:

  • Verifique a respiração e as vias aéreas da vítima. Se necessário, chame a emergência e inicie a respiração de resgate e a Reanimação Cardiopulmonar (CPR).
  • Afrouxar as roupas apertadas ao redor do pescoço.
  • Elevar os pés da vítima acima do nível do coração (cerca de 30 cm).
  • Se a pessoa vomitou, posicione-a de lado para evitar sufocamento.
  • Mantenha a pessoa deitada por pelo menos 10 a 15 minutos, de preferência em local frio e silencioso. Se isso não for possível, coloque a pessoa sentada, com a cabeça para frente entre os joelhos.

Fontes e referências

  • Calkins H, Zipes DP. Hypotension and syncope. Em: Bonow RO, Mann DL, Zipes DP, Libby P, eds. Braunwald''s Heart Disease: A Textbook of Cardiovascular Medicine. 9ª ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier; 2011: cap. 42.
  • Simon RP. Syncope. Em: Goldman L, Ausiello D, eds. Cecil Medicine. 23ª ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier;2007: cap. 427.
ADAM logo

A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não