PUBLICIDADE

Comer pão e batata torrados aumenta risco de câncer

Substância acrilamida, que pode causar câncer, é produzida em alimentos com muito amido e preparados em altas temperaturas

A Food Standards Agency, um órgão regulador de padrões alimentares britânico, alertou que comer pão e batatas torrados demais pode causar a ingestão de uma substância química capaz de gerar o câncer. Ainda de acordo com a FSA, o ideal é que os alimentos fiquem, no máximo, com uma coloração dourada.

Ao torrar demais os alimentos que contêm muito amido, seja fritando, assando ou grelhando, ocorre a produção excessiva de acrilamida, uma substância comum no processo de cozimento. Porém, algumas pesquisas feitas com animais mostram que ela pode ser tóxica para o DNA e até levar ao câncer.

Por isso, estudiosos da FSA acreditam que o mesmo possa ocorrer com humanos. Mas, por outro lado, a Cancer Research UK, organização britânica dedicada a estudos sobre câncer, destaca que não existem evidências sobre isso ainda.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Batatas, pães, cereais matinais, biscoitos, bolachas e bolos, por exemplo, possuem altos níveis de acrilamida, graças a grande quantidade de amido presente em sua composição e ao seu preparo, geralmente a mais de 120 graus, seja feita em casa ou industrialmente. Quanto mais o alimento for torrado, maior será a concentração de acrilamida.

Por isso, a FSA faz algumas recomendações para diminuir o consumo dessa substância: cuidar para que esse tipo de alimento não passe da coloração dourada ao ser preparado; não guardar batatas na geladeira, que aumenta os níveis de açúcar desse alimento graças a baixa temperatura, podendo elevar a quantidade de acrilamida; seguir as instruções de preparo ao aquecer ou assar batatas e pizzas no forno.