PUBLICIDADE

Suplementos vitamínicos não melhoram sua saúde, diz estudo

Após revisão de diversos estudos, pesquisadores afirmam: não há nada melhor do que uma alimentação saudável

Os suplementos vitamínicos e minerais mais comuns de serem consumidos pela população em geral não trazem tantos benefícios (mas também não oferecem danos) à saúde, de acordo com um estudo feito por pesquisadores do Hospital St. Michael e da Universidade de Toronto, no Canadá.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O estudo realizou a revisão de dados existentes e de trabalhos publicados de janeiro de 2012 a outubro de 2017, revelando que suplementos multivitamínicos, suplementação de vitamina D, cálcio e vitamina C não traziam nenhuma vantagem ou risco adicional na prevenção de doenças cardiovasculares, ataque cardíaco, acidente vascular cerebral ou morte prematura.

Os pesquisadores descobriram que o ácido fólico sozinho e as vitaminas do complexo B com ácido fólico podem reduzir as doenças cardiovasculares e o derrame. Enquanto isso, a niacina e os antioxidantes mostraram um efeito muito pequeno que poderia significar um aumento do risco de morte por qualquer causa.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Essas descobertas sugerem que as pessoas devem estar cientes dos suplementos que estão tomando e garantir que elas sejam aplicáveis às deficiências específicas de vitaminas ou minerais que foram aconselhadas por seus profissionais de saúde", diz David Jenkins, principal autor do estudo.

Sua equipe revisou os dados do suplemento que incluía vitamina A, B1, B2, B3 (niacina), B6, B9 (ácido fólico), C, D e E, além de caroteno, cálcio, ferro, zinco, magnésio, e selênio. O termo "multivitamínico" nesta revisão foi usado para descrever suplementos que incluem a maioria das vitaminas e minerais, ao invés de alguns específicos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Na ausência de dados positivos significativos - além da redução do potencial do risco de derrame e doenças cardíacas pelo ácido fólico - é mais benéfico confiar em uma dieta saudável para obter o seu preenchimento de vitaminas e minerais", afirma o pesquisador. "Até agora, nenhuma pesquisa sobre suplementos nos mostrou algo melhor do que ingerir porções saudáveis de alimentos vegetais, menos processados, incluindo vegetais, frutas e oleaginosas", completa.